Notícias

PORTO ALEGRE DO NORTE

Emissão de documentos, exposição de armas e equipamentos e educação no trânsito marcam participação

09/05/2017 - 18:23
Débora Siqueira | Sesp-MT

As forças de segurança pública montaram estandes na Caravana da Transformação, em Porto Alegre do Norte (1.140 km de Cuiabá), para prestar serviços ao público, como emissão de 1ª e 2ª vias das carteiras de identidade pela Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) e registro de boletim de ocorrência pela Polícia Judiciária Civil (PJC-MT). O trabalho de educação para o trânsito junto as crianças, realizado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT), e o teste de bafômetro como meio educativo pelo Batalhão de Trânsito também atraíram os visitantes.

A estudante Michelly Kimberly Silva Jardim, de 10 anos, conheceu as regras de trânsito por meio de desenhos. “Aprendi que não devo atravessar a rua quando tiver carro passando. Tem que respeitar a placa vermelha e respeitar a sinalização”, contou.

O assessor da presidência do Detran, João Eudes, disse que mais 250 crianças tinham passado pelo estande até o sábado (29.04) pela manhã. “Por meio das atividades lúdicas, perguntamos como elas vêm para a escola, se usam cinto de segurança, se prestam atenção ao atravessar a rua e, assim, ensinamos as leis de trânsito para elas”, explicou.

Mais de 100 carteiras de identidade foram feitas e a entrega deve ocorrer no prazo de até 90 dias, no posto de identificação que fica dentro da Prefeitura de Porto Alegre do Norte. Moradores de fazendas, assentamentos e das áreas urbanas de cidades como Confresa, Querência, Vila Rica e Canabrava do Norte, foram em busca do atendimento.

O casal Manoel Valter da Silva e Claudivania Fernanda vieram de Confresa para tirar a segunda via do RG e acrescentar o nome de casada no registro, respectivamente. “Fiz a cirurgia de pterígio, plastificamos as certidões de nascimento das crianças e tiramos o cartão do SUS. O atendimento é muito bom”, comentou Manoel.

No estande do Batalhão Ambiental, os visitantes se admiravam com animais empalhados, como jaguatiricas e jiboias, dentre outros. A Polícia Militar (PM-MT) ainda apresentou os equipamentos e explicou o trabalho do Batalhão de Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotam) e do Batalhão de Operações Especiais (Bope), além dos projetos preventivos, como o Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) e Rede Cidadã. O Corpo de Bombeiros fez exposição de equipamentos de salvamento e resgate.