Notícias

MODERNIZAÇÃO

Politec se prepara para a implantação do RG unificado

06/03/2019 - 12:38
Assessoria - Politec/MT

A partir de março todos os estados da federação deverão de adequar ao Decreto Federal nº 9.278, de 5 de fevereiro de 2018, que regulamenta a expedição das carteiras de identidade unificadas. Os novos padrões do documento nacional de identidade foram apresentado pelo Diretor Metropolitano de Identificação Técnica da Politec, Aílton Silva Machado, durante o I Simpósio Estadual de identificação, nesta sexta-feira (01).

Além do número do RG, o documento deverá conter o CPF e 15 dados opcionais como o nome social, o número do Documento Nacional de Identificação (DNI), da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Título de Eleitor, Carteira de Trabalho e Previdência Social, Cartão Nacioanal de Saúde, identidade profissional, dentre outros.

Em Mato Grosso, o cidadão poderá optar pela cédula de identidade unificada, em papel moeda, ou pelo cartão com microchip. A segunda opção, em cartão de policarbonato, terá durabilidade de até 10 anos e conterá com outros elementos de segurança além dos previstos no decreto, para se evitar a falsificação. Como, o QrCode no verso com os dados do portador, relevo tátil, imagem reativa do Brasão da República em Ultra-Violeta, e outros.

Com a inovação, a carteira de identidade ficará mais completa e o processo de emissão mais ágil e informatizado. “O Sistema de identificação civil passará nos próximos dias por uma migração de dados e de ajustes nas funcionalidades para o início dos testes de impressão junto à empresa fornecedora do material, para que até início de abril nós já comecemos a imprimir o documento novo’’, estima o diretor metropolitano de Identificação Técnica.

Diretor Metropolitano de Identificação Técnica da Politec, Aílton Silva Machado, apresenta novidade durante evento em Cuiabá

Apesar da mudança prevista, os documentos de identidade anteriormente emitidos não perderão a validade. 

De acordo com o papiloscopista e Gerente de Identificação de Barra do Garças, Walter Santana da Costa, os postos de identificação já começaram a ser preparar para  a mudança no processamento, com a instalação dos kits de captura biométrica nas unidades do Ganha Tempos.

“É muito importante esse encontro em que discutimos as novas tecnologias na área de identificação, especialmente na emissão de documentos de identidade, que é realizada em Mato Grosso há quase de 100 anos. Neste ano haverá uma mudança muito grande, já que o cartão conterá todos os dados biométricos e outros documentos, gerando maiores níveis de segurança”, disse.

Os novos modelos e os elementos de segurança também foram explicados aos participantes pelo gerente comercial da Thomaz Greg & Sons, de São Paulo, Eduardo Godoi. A empresa foi a vencedora da licitação para a emissão dos documentos de RG em Mato Grosso.

Evento

O I Simpósio Estadual de Identificação ocorreu entre os dias 27 de fevereiro e 1º de março, no auditório Milton Figueiredo, da Assembleia Legislativa de Mato Grosso. O evento reuniu 235 participantes, entre papiloscopistas, estagiários e técnicos de desenvolvimento econômico e social, funcionários de Postos de Identificação e representantes de prefeituras municipais, para discutir tecnologias que podem ser usadas para o aprimoramento do serviço de identificação no Estado.