Notícias

ÁUDIO E VIDEO

Perícia realiza medições em avenida para subsidiar a determinação da velocidade do veículo em atropelamento

02/04/2019 - 10:40
Assessoria - Politec/MT

Peritos da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) realizaram na madrugada desta terça-feira (02/04) medições na pista da Avenida Isaac Póvoas, em frente à Boate Valley Pub, onde ocorreu o atropelamento três jovens no dia 23 de dezembro de 2018.

O objetivo do exame pericial é calcular com mais precisão a velocidade em que o veículo conduzido pela Bióloga Rafaela Screnci Ribeiro estava ao atropelar as vítimas. O procedimento teve a duração de 1h40. A previsão é que o laudo seja concluído em 30 dias. 

O exame, realizado pela Gerência de Perícias de Áudio e Video da Politec, foi requisitado pelo Delegado Cristhian Cabral, com o objetivo de complementar os resultados obtidos pela perícia de local, com a análise específica das imagens da ocorrência. Os dados coletados durante a análise serão confrontados com as imagens do atropelamento, e irão auxiliar os peritos no cálculo de velocidade.

A metodologia utiliza as gravações originais do incidente em conjunto com as gravações feitas nesta madrugada, de duas câmeras de segurança que registraram o fato, para a medição do deslocamento do veículo até o momento da colisão.

Os resultados serão obtidos através de uma régua graduada desenvolvida com um tubo de PVC posicionada perpendicularmente a cada 2 metros da pista durante um intervalo não superior a um minuto, onde será possível a elaboração de um “gabarito de referência” para ser sobreposto aos quadros do vídeo encaminhado pela Polícia.  Ao sobrepor o vídeo encaminhado ao gabarito produzido, o Perito Criminal irá estimar com precisão a velocidade desenvolvida pelo veículo.

Durante a perícia, a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) interditou a pista para o tráfego de veículos temporariamente.   Os trabalhos foram acompanhados pelo Delegado Titular da Delegacia Especializada de Delitos de Trânsito (Deletran),  Christian Alessandro Cabral.