Notícias

AÇÃO SOCIAL

Documentos de identidade são fornecidos a moradores de rua da capital

29/07/2019 - 10:32
Este ano, a Politec emitiu oito documentos de identidade ao público participante.
Tita Mara Teixeira / Politec-MT

Moradores de rua de Cuiabá e albergados foram beneficiados com a emissão gratuita de RGs durante a2ª Edição do Mutirão Pop na Rua, que neste ano teve como lema “Acolhendo e garantindo oportunidades”. O evento foi realizado na sede do Centro de Referência Especializada em Assistência Social (Creas), localizado no bairro Dom Aquino, nesta sexta-feira (26.07) durante todo o dia.

Promovida pela Prefeitura de Cuiabá, a ação de mobilização popular tem como objetivo ofertar serviços essenciais e de cidadania às pessoas em situação de rua.

A Politec participou do atendimento aos moradores de rua que necessitavam emitir um novo documento, por motivo de dano ou extravio. Esta foi a situação do albergado Francenildo Silva dos Santos, que estava há dois anos com a assinatura do RG rasurada e precisava fazer a renovação.

Thiago Pablo Nava Cardoso, morador da região, aproveitou a oportunidade e compareceu no mutirão para solicitar o RG que foi extraviado em outro estado. “Fazer o RG é importante para a emissão da carteira de trabalho. Vinha procurando emprego e não conseguia por conta da falta de documentação, que foi extraviada no Pará”, disse.

Leandro dos Santos, natural do Maranhão, está há seis anos em Cuiabá e compareceu no mutirão para regularizar a sua documentação. Na ocasião, teve a oportunidade de emitir o RG e o cartão Nacional de Saúde, e ainda se alimentou e ganhou agasalho. “Fiquei muito feliz por eles estarem nos ajudando. Somos olhados com discriminação pela população. Hoje fiquei muito feliz em ver todo mundo reunido, pela atenção de vocês e quero que continuem ajudando as pessoas que precisam”, elogiou.

Para o secretário municipal de assistência Social, Wilton Coelho, o objetivo do evento é promover a inclusão social da população de rua, proporcionando serviços de higiene, corte de cabelo, doação de roupas, alimentação, confecção de documentos, em parceria com a prefeitura e órgãos do estado.

“Objetivo principal é esse, dizer que eles não são esquecidos, que a Secretaria de assistência social cuida principalmente das pessoas menos favorecidas daqueles que mais precisam ser assistidos pelo poder público”. Foram atendidos moradores de três albergues e a população de rua de Cuiabá.

O coordenador de identificação civil da Politec, Carlos Eduardo José da Silva, explica que o trabalho da Politec consiste no atendimento na área civil, por meio da emissão de 1ª e 2 via de RGs, e também na área criminal, por meio da pesquisa de antecedentes. “Com esta proximidade verificamos a real situação dos moradores de rua, ao fornecer o  documento de identidade ao cidadão, e também verificar se há algum mandado de prisão em aberto. Participar deste mutirão é gratificante, você sente que o trabalho que você está realizando está sendo útil pra alguém necessita’’, afirmou.

Este ano, a Politec emitiu oito documentos de identidade ao público participante.